Dieta dos Pontos: Passo a passo como fazer, calcular, tabela de pontos, cardápios e receitas

Dieta dos Pontos: Passo a passo como fazer, calcular, tabela de pontos, cardápios e receitas

Quem está tentando emagrecer já deve ter ouvido falar da famosa Dieta dos Pontos pelo menos uma vez. Criada em 1970 pelo endocrinologista da Universidade de São Paulo Alfredo Halpern, a dieta consiste em contar calorias por meio de pontos. Nesse sistema, explicado em detalhes no livro A Dieta dos Pontos, tudo está liberado. O segredo está em fazer os cálculos antes das refeições e se programar para elas.

Para adotar o regime, o primeiro passo é descobrir quantos pontos você deve consumir por dia. O cálculo é feito analisando-se peso, altura, sexo, idade e nível de exercícios físicos praticados por cada indivíduo.

Como fazer a Dieta dos Pontos

No Brasil existem três principais tipos de dieta dos pontos. São eles: Dieta dos Pontos do Dieta e Saúde, Vigilantes do peso e Dieta dos Pontos de Alfredo Halpern. A principal diferença entre esses métodos é como cada um deles faz o cálculo para chegar a um ponto, em alguns casos é levado em conta apenas as calorias do alimento, em outros também são considerados diversos nutrientes.

O Dieta e Saúde é um programa online de emagrecimento. Possui reuniões online com nutricionistas e outros especialistas, diários para anotar os alimentos ingeridos e exercícios realizados, espaço para acompanhar a perda de peso, área para que os usuários possam trocar experiências e muito mais.

Já o Vigilantes do Peso conta com reuniões ao vivo realizadas semanalmente, ministradas por alguém que emagreceu utilizando o método. Também há o programa em EmCasa em que a pessoa recebe suporte por email e um aplicativo. Por fim, a Dieta dos Pontos de Alfredo Halpern é seguida por meio dos livros escritos pelo endocrinologista Alfredo Halpern.

Por que a Dieta dos Pontos ajuda a emagrecer?

A quantidade de pontos estipulada para cada indivíduo visa que haja um consumo de calorias inferior ao gasto. Portanto, quando seguida corretamente, há uma ingestão de energia inferior ao gasto, pois a quantidade de pontos é baixa.

A Dieta dos Pontos gera resultados até duas vezes mais eficazes em pessoas com sobrepeso e obesidade quando comparado aos métodos de emagrecimento convencionais, diz um estudo feito por cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, e publicado na revista científica The Lancet. No estudo, os chamados “programas convencionais” correspondiam aos tratamentos básicos para a obesidade oferecidos por profissionais de saúde.

O estudo da comparou duas estratégias visando o emagrecimento em 772 pessoas com obesidade da Inglaterra. Ao final de um ano, a perda de peso do grupo que fez a Dieta dos Pontos – de 5,06 kg – foi cerca de duas vezes maior do que a observada entre o grupo que teve acompanhamento ambulatorial – de 2,25 kg. Além disso, as pessoas que utilizaram o programa de pontos tiveram mais chances de perder mais que 5% do seu peso inicial, quando comparadas àquelas gerenciadas no ambulatório de cuidados primários.

Segundo o estudo, o poder do programa de pontos está em fazer uma verdadeira e duradoura reeducação alimentar, que possa ser absorvida em sua totalidade e mantida por toda a vida. Além disso, a liberdade dada ao paciente em poder escolher quais alimentos poderá comer durante o dia e a troca de experiência com outros participantes do programa também ajudam a manter uma alimentação bastante saudável.

Nesse programa, há pontos para todos os tipos de comida. Além disso, alguns tipos de atividades físicas podem se tornar pontos, o que auxilia o paciente a criar um banco de pontos reserva.

Como funciona a Dieta dos Pontos

Ao realizar a dieta dos pontos, as pessoas possuem uma quantidade de pontos determinadas que podem consumir. Em alguns métodos estes pontos são sempre os mesmos, variando apenas de acordo com o sexo. Já em outros casos é realizado um cálculo com base na altura, peso e o quanto a pessoa pretende emagrecer para se estimar os pontos que podem ser ingeridos.

Em alguns tipos de dieta dos pontos, os usuários podem começar consumindo uma determinada quantidade de pontos e conforme ele emagrece passa a consumir menos pontos. Isto é realizado para que o corpo se adapte e tenha um emagrecimento contínuo e saudável.

Em todos os casos as pessoas precisam registrar os alimentos e quantidades consumidos a fim de poder calcular quantos pontos comeu. Algumas dietas dos pontos também costumam premiar exercícios realizados com pontos extras para consumo.

Quando a pessoa chega ao peso desejado, ela avança para a fase de manutenção em que passa a consumir uma pontuação um pouco maior.

Exemplo de cardápio da Dieta dos Pontos

A seguir, confira um exemplo de um cardápio elaborado de acordo com a pontuação do Dieta e Saúde. Ele possui 30 pontos, pontuação mínima deste método de emagrecimento:

Café da manhã

1 fatia de pão de forma integral: 1 ponto
1 colher de sopa de creme de ricota light: 1 ponto
Meia xícara de café sem açúcar: 0 pontos
Meia xícara de leite semi-desnatado: 2 pontos
Meia unidade de mamão papaia: 1 ponto
1 colher de sopa de semente de chia: 1 ponto.
Lanche da manhã

50 gramas de iogurte natural desnatado: 1 ponto
1 unidade de banana prata: 1 ponto
1 colher de sopa de semente de linhaça: 1 ponto.
Almoço:

3 colher de sopa cheias de arroz integral cozido: 2 pontos
2 colheres de sopa cheias de feijão carioca cozido: 0 pontos
1 filé mignon bovino assado: 5 pontos
4 colheres de sopa de abobrinha cozida: 0 pontos
4 colheres de sopa de cenoura crua ralada: 0 pontos
1 colher de sopa de pepino picado: 0 pontos
4 colheres de sopa de tomate em cubos: 0 pontos.
Lanche da tarde

1 copo americano de salada de frutas (banana, maçã, laranja, mamão): 2 pontos
1 colher de sopa de aveia em flocos: 1 ponto.
Jantar:

3 colheres de sopa cheias de arroz integral cozido:2 pontos
1 concha pequena cheia de feijão preto cozido:1 ponto
2 colheres de sopa picadas de couve manteiga cozida:0 pontos
2 unidades médias de coxa de frango sem pele assada:5 pontos
5 folhas médias de alface:0 pontos
6 folhas de rúcula:0 pontos
1 unidades de laranja pera:1 ponto.

Fonte: www.vamosemagrecer.com.br